quinta-feira, novembro 24, 2005

Formação Profissional Financiada

A Biogaia - Consultoria e Investigação em Ambiente, Lda, irá promover a realização de 4 acções de Formação Profissional Financiada, na zona de Lisboa - Parque das Nações:

- Segurança Alimentar (HACCP) (68h): 3, 4, 9, 11, 16, 18, 23, 25 e 30 de Janeiro de 2006 e 1, 6, 8, 13, 15, 20, 21 e 22 de Fevereiro de 2006.
- Higiene e Seguraça no Trabalho (68h): 5, 6, 10, 12, 17, 19, 24, 26 e 31 de Janeiro de 2006 e 2, 3, 7, 9, 10, 14, 16 e 17 de Fevereiro de 2006.
- Sistemas de Gestão da Qualidade (48h - 12 dias): 2, 3, 6, 7, 8, 13, 14, 15, 21, 22, 27 e 28 de Março de 2006.
- Gestão de Resíduos (44h): 2, 3, 6, 7, 8, 13, 14, 15, 20, 21 e 22 de Março de 2006.
Horário: Pós-Laboral, das 18h30 às 22h30


Todos os interessados deverão fazer a sua incrição, ou confirmar a manutenção da intenção de frequentar estas acções de formação, pelo que em ambos os casos deverão preencher a ficha de pré-inscrição.


A documentação necessária para a participação nas acções de formação é:
- Fotocópia do BI e NIF;
- C.V.;
- Último Recibo de vencimento (mesmo que com os valores cortados) ou declaração da entidade patronal.
Todos aqueles que já procederam ao envio da documentação, não é necessário fazer novamente o seu envio.


Nota: Os cursos são totalmente financiados, ou seja, não acarretam qualquer custo para os participantes.

Eng.ª Ana Vasconcelos

Biogaia, Consultoria e Investigação em Ambiente, Lda

Rua Nau Catrineta, 3.10.05 - A, Parque das Nações, 1990 -186 Lisboa

Tel: 218922550 / Fax: 218922558

A força das Energias Renováveis

É um facto que a comunidade científica pretende caminhar no sentido das energias renováveis. Dia 21 e 22, do corrente mês, teve lugar no IST um seminário sobre as energias renováveis, o presente e o futuro. Hoje, o dia será marcado pela apresentação pública em Portugal do projecto ITER – International Thermonuclear Experimental Reactor.

"...«O Iter constitui uma excelente oportunidade de trabalho para as empresas nacionais, já que mais de 80 por cento da contribuição da UE corresponde à construção dos edifícios, fabrico de componentes e prestação de serviços em áreas diversas», acrescenta o instituto...."

Muitos estudos têm sido desenvolvidos neste âmbito e a contrução de parques eólicos têm despontado, no site do instituto do ambiente é visível o número de estudos de impacte ambiental de parques eólicos que se encontram a ser avaliados ou em fase de consulta pública.
Porém, penso que há que actuar também ao nível do indivíduo, aplicando novas práticas nas empresas construtoras de empreendimentos habitacionais, provendo os edifícios de eficiência energética através de práticas já conhecidas, como seja a parede de Trombe e painéis solares, caso a sua localização permita uma boa captação, enfim, uma série de alterações que permitiriam menores consumos de energia e com retornos a médio prazo.
Constata-se assim, que as medidas adoptadas até à data têm apenas em vista cumprir a meta de 39% de produção de energia eléctrica com base em fontes renováveis.

Outro facto que penso ser interessante, refere-se à construção relativamente recente pelo Maretec de uma instalação piloto para a captação da energia das ondas na Ilha do Pico.

Sabia que...

Integrado num amplo esforço para controlar a indústria ilegal de droga, o governo colombiano, ajudado por fundos e equipamento norte-americanos, tem feito pulverizações áreas de herbicidas nas plantações de coca, em regiões onde se conhece a sua existência. Embora eficazes na destruição de plantas de coca, as pulverizações também danificaram plantações alimentares adjacentes e nascentes de água, e há notícia de residentes locais que desenvolveram problemas de saúde depois de entrar em contacto com o herbicida. Muitos plantadores de coca cujas colheitas foram exterminadas mudaram-se simplesmente mais para o interior da floresta e limparam terreno para uma nova plantação.

Além das pulverizações aéreas, o governo conduz muitas operações de erradicação manual e conta com um programa de incentivos para agricultores de coca que queiram passar, de livre vontade, para a plantação de produtos alimentares legais. Mas enquanto os agricultores de zonas remotas da Colômbia – como os do nosso artigo, que vivem ao longo do rio Caguán – não tiverem meios rápidos e baratos de escoamento dos seus produtos para o mercado, poucos incentivos terão para trocar as suas plantações de coca por outras menos lucrativas e mais vulneráveis.

— Karen C. Font

in
National Geographic Magazine Portugal.

quarta-feira, novembro 16, 2005

Jantarada



Hoje recebi este mail:

"Pessoal,

Sei que deve parecer um bocadinho estranho mas que tal fazermos um jantar de
Natal? A turma? Como que para recordar as cenas e vermo-nos, por a conversa
em dia?
Acho que não se aceitam nãos!!

A Mafalda, que surgiu com esta ideia, propõe dia 9 de Dezembro ou dia 16 e
seria no grill mania onde já foi um ano. Que acham!!!

Teriamos troca de prendas, valor de 5€, não se admitem chocolates e
espera-se criatividade por parte dos Srºs e Srªs Engenheiras!!!

É mm mto importante que nos juntemos todos para não perdermos o contacto e
sermos tótós!!

Avisem quem não tiver no Ambi e respondam para a Mafalda (é bom que tenham o número, porque eu não quis tar a por aqui...ne!?).

Vá lá!!
Não nos deixem ficar mal

Beijinhos e até breve"

Achei por bem citar a nossa amiga Bejona...ponham sugestões alternativas e tudo e tudo nos comentários.

Na minha opinião...eu sei que somos mal pagos e também não pagos...mas grill mania é muito mau (quer dizer há piores)...não se arranja nada melhor!? Nepalês...qualquer coisa mais arrojada! Mas como queiram...o importante era mesmo estarmos juntos!

sábado, novembro 05, 2005

Parabéns David



Eu, assim como todos os teus amigos, queremos deixar uma marca de quinta-feira passada e felicitar-se pela grande pessoa que és.

Só mais um pormenor...continua a sonhar...alto!!!

Beijinhos de todos nós!